Correspondência: Av. Afonso de Taunay, 651 - 2 andar, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro, RJ, Brasil

021 3215-9667

©2018 BY SOLUÇÃO SUSTENTÁVEL.

Arquivo

Please reload

Tags

Please reload

Oportunidades com desafios

 

Eu sempre digo que mesmo com o passar dos anos ainda não sei tudo aquilo que quero, mas, em compensação, sei tudo o que eu não quero, para mim e para os outros. E se há algo que não quero mais é viver em função dessa crise econômica – INDECENTE - que assola o Brasil há anos. INDECENTE, porque é uma crise fabricada pela falta de senso reinante no país. Não estamos em crise por razões meramente econômicas, estamos em crise por razões políticas, por opções erradas e pelo conformismo com toda espécie de falta de vergonha, que se pode (ou não) imaginar.

 

É, pois, chegada a hora de voltarmos a crescer, a ter o direito de sonhar com um futuro melhor. Meu filósofo favorito, o polonês Zygmunt Bauman, da London School of Economics and Political Science, nos diz que só se consegue ter uma vida digna quando se tem segurança e liberdade, nas proporções adequadas. Nessa crise perdemos tanto a segurança quanto a liberdade e ganhamos angústia, medo e sofrimento. É hora de sonhar de novo, de ousar construir um país que valha a pena. Temos de dar uma chance à esperança.

 

Por tudo isso, creio que o Brasil conseguirá voltar a crescer com sustentabilidade. Acredito que serão feitas reformas que cortem privilégios e promovam oportunidades mais amplas para a maioria da população. É isso que importa; o resto é conversa fiada.

 

Acontece, porém, que esse futuro (melhor) não será uma dádiva dos céus e, muito menos, uma concessão de nossos excelentes políticos de Brasília. Este futuro terá de ser conquistado com trabalho, determinação, tecnologia e estudo, MUITO estudo. O crescimento só será sustentável se tiver bases sólidas e for ancorado na melhoria da educação brasileira que, como a crise, só nos envergonha.

 

Para crescermos não podemos contar apenas com a quantidade de mão de obra disponível. Precisamos de trabalhadores produtivos, capazes de realizar atividades cada vez mais tecnológicas e sofisticadas. Por isso, precisamos nos habituar à ideia de que teremos de trabalhar e nos aperfeiçoar, ao mesmo tempo em que nos aperfeiçoaremos para poder ter trabalho.

 

Sabemos que a IA – Inteligência Artificial vai modificar o mercado de trabalho e em muitos aspectos é apavorante mesmo – calcula-se que em uma ou duas décadas 47% dos atuais empregos desaparecerão (segundo a Oxford University). Mas, em compensação, surgirão novas modalidades de trabalho e já se fala, por exemplo, em psicólogos especializados em robôs. Tudo isso é verdade, mas, cá entre nós, este futuro vai demorar um pouco e é melhor cuidar das oportunidades do presente.

 

Vejamos o caso do Espírito Santo: novos empreendimentos estão chegando e outros tantos estão por vir para o nosso Estado. Esses investimentos não vão contratar psicólogos de robôs vão contratar técnicos, engenheiros, soldadores, advogados, enfermeiros, médicos, especialistas em automação, estatísticos, psicólogos (de gente) e muito mais. Só que a preferência será dada a quem estudou com dedicação, se interessou em saber inglês, sabe o que é sustentabilidade, SMS, qualidade. Enfim, haverá emprego para quem se qualificou, estudou e se preparou para os desafios.

 

Tem muita gente achando que ler e escrever mensagens cifradas em redes sociais significa saber se comunicar adequadamente. Lamento, mas chegando às empresas terão de expressar suas ideias, saber argumentar, ler e escrever relatórios e até dar cursos. Sugiro, humildemente, deixar um pouco de lado as redes sociais e procurar um bom livro (pode ser um e-book).

 

O crescimento trará muitas e muito grandes oportunidades, mas os desafios não serão menores. Procure saber o que as empresas esperam que seus novos empregados saibam, que valores gostariam que eles tivessem e que contribuições esperam obter deles. Não dê chance ao azar: prepare-se, conquiste segurança e liberdade e, sobretudo, seja mais feliz.

 

Nilson é Sócio Diretor da Solução Sustentável

Please reload

Posts Recentes

Please reload